Covid: Show de pagode com 400 pessoas é interrompido na Grande BH

pagode neves
Evento descumpria normas sanitárias (Guarda Civil de Contagem/Divulgação)

Um show de pagode foi interrompido pela Polícia Militar e pela Guarda Civil Municipal de Contagem em uma casa de shows localizada em Ribeirão das Neves, na região metropolitana de Belo Horizonte, na madrugada deste sábado (26). No espaço havia aproximadamente 400 pessoas e os protocolos sanitários de prevenção ao coronavírus eram desrespeitados.

A PM e a Guarda atuaram em conjunto e precisaram encerrar o evento que ocorria no bairro Jardim Alvorada, na divisa dos municípios de Contagem e Ribeirão das Neves. As autoridades chegaram após receberem denúncia de perturbação e encontraram centenas de pessoas no show de pagode.

A Guarda Civil Municipal de Contagem informou que o endereço da casa de shows pertence a Neves e, por isso, somente foi possível orientar o público presente. Apesar disso, a Guarda e a PM realizaram buscas nos veículos e nas pessoas. Nenhum material ilícito foi encontrado.

Dentro da casa de shows, no entanto, acabou sendo localizado maconha, loló e ecstasy no chão do imóvel. O material foi apreendido e encaminhado para a autoridade policial. Os organizadores do evento não foram encontrados.

Covid-19

Ribeirão das Neves, cidade onde aconteceu o show de pagode, tem 17.214 casos confirmados do novo coronavírus e 654 mortes. O número de casos em acompanhamento está em 528 e o de pacientes recuperados chegou a 16.032. Os dados são dessa sexta-feira (25) e foram divulgados pela Vigilância Epidemiológica do município.

boletim covid neves
Informe Epidemiológico de Ribeirão das Neves (Reprodução/@Prefeituraderibeiraodasneves/Facebook)

Reforce a proteção contra o vírus

A SES-MG (Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais) orienta que a população tome algumas medidas de higiene respiratória para evitar a propagação da doença, são elas:

  • Lavar as mãos frequentemente com água e sabonete por pelo menos 20 segundos, respeitando os 5 momentos de higienização. Se não houver água e sabonete, usar um desinfetante para as mãos à base de álcool.
  • Evitar tocar nos olhos, nariz e boca com as mãos não lavadas.
  • Evitar contato próximo com pessoas doentes.
  • Ficar em casa quando estiver doente.
  • Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar com um lenço de papel e jogar no lixo.
  • Limpar e desinfetar objetos e superfícies tocados com frequência.

Edição: Roberth Costa
Vitor Fórneas
Vitor Fórneasvitor.forneas@bhaz.com.br

Repórter do BHAZ desde maio de 2017. Jornalista graduado pelo UniBH (Centro Universitário de Belo Horizonte) e com atuação focada nas editorias de Cidades e Política. Teve reportagens agraciadas pelo prêmio CDL.

Comentários