Incêndio destrói supermercado em BH e assusta moradores

incêndio supermercado bh
Chamas destruíram escritório, depósito e parte do estoque (CBMMG/Divulgação)

Grande parte de um supermercado foi destruída por um incêndio de grandes proporções na noite dessa sexta-feira (22) em BH. O escritório, um depósito e parte do estoque do supermercado Boa Ideia, que fica no bairro Aarão Reis, na região Norte da capital, foram consumidos pelas chamas. O incêndio durou quase cinco horas e mobilizou 17 viaturas do Corpo de Bombeiros e da Polícia Militar.

Acionados por volta das 21h, os bombeiros foram informados de que todo o estoque do supermercado estava em chamas. Chegando ao local, as equipes constataram que o incêndio havia começado no segundo andar do estabelecimento, onde funcionava um escritório. “É um supermercado onde tem a parte administrativa. Junto a essa parte da administração, tem um pequeno depósito que também está com algumas chamas”, explicou o tenente Felipe de Oliveira Nunes, antes de o incêndio ser controlado.

As chamas estavam altas e se espalharam rapidamente, dificultando o trabalho dos bombeiros, que tiveram que se dividir em três frentes de combate. Do lado de fora, vários moradores e pessoas que passavam pela região também se assustaram com a cena. Imagens gravadas na hora do incêndio mostram alguns deles correndo para se abrigar e lamentando os estragos deixados pelas chamas.

Ainda segundo os bombeiros, o incêndio só foi controlado por volta da 1h36 deste sábado (23). Ao todo, foram mobilizadas 12 viaturas do Corpo de Bombeiros e cinco da Polícia Militar. A Cemig (Companhia Energética de Minas Gerais) também foi acionada para desativar a energia na região e minimizar os riscos. Ninguém ficou ferido.

Os militares continuaram em ação no local até as 6h30 de hoje, realizando trabalhos de rescaldo e análise da estrutura. A Defesa Civil também foi acionada, assim como a perícia da Polícia Civil. Os danos ainda não foram contabilizados.

Edição: Thiago Ricci
Giovanna Fáverogiovanna.favero@bhaz.com.br

Editora do BHAZ desde julho de 2021 e repórter desde 2019. Graduada em jornalismo pela PUC Minas (Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais). Participou de reportagem premiada pela CDL/BH em 2021, além de figurar entre os finalistas do prêmio Sebrae de Jornalismo também em 2021.

Comentários