Pesquisar
Close this search box.

Pedrinho, da música ‘Acorda, Pedrinho’, morre em Curitiba

Por

banda jovem dionísio e pedrinho da música acorda pedrinho morreu
Pedrinho, homenageado da música 'Acorda Pedrinho' morreu (Reprodução/@jovemdionisio/Instagram)

O paranaense Pedrinho, figura que inspirou a música “Acorda, Pedrinho”, da banda Jovem Dionísio, foi encontrado morto em Curitiba (PR), na noite dessa segunda-feira (25), no quarto do hotel onde morava. Pedro Domingos do Prado tinha 65 anos.

Por meio do Instagram, a banda lamentou a morte de amigo. “Com imensa tristeza em nossos corações que hoje nos despedimos do nosso grande amigo Pedrinho. O maior motivo por nós amarmos tanto o bar do Dionísio é pelas amizades que fizemos lá dentro”, iniciou o grupo.

Na postagem, a Jovem Dionísio conta que conheceu várias pessoas no bar, todas com o carinho em comum. “Pedrinho com toda certeza foi o canalizador de todo esse carinho que o bar oferece”, disse a banda.

“Qualquer pessoa que pisou lá dentro e conversou um pouco com ele sabe disso. As diversas histórias que já ouvimos (e as que ainda não ouvimos) confirmam o tamanho da falta que ele fará para todos nós”.

Por fim, o grupo declarou que nunca vai esquecer o quão importante Pedrinho foi. “Cantaremos seu nome com todo o carinho que você nos deu. Um dia a gente se encontra para terminar aquela partida de sinuca”.

Música ‘Acorda, Pedrinho’ viraliza

Em maio de 2022, a música Acorda Pedrinho viralizou nas redes sociais, com várias pessoas fazendo trends e vídeos utilizando a canção. A banda Jovem Dionísio gravou o clipe da obra no Bar do Dionísio, jogando sinuca e ‘tentando acordar o Pedrinho’.

A música surgiu de uma piada interna entre os integrantes da banda, que são frequentadores do bar. O Pedrinho da vida real vivia dormindo no bar e, quando acordava, jogava sinuca.

Andreza Miranda

Graduada em Jornalismo pela UFMG (Universidade Federal de Minas Gerais) e repórter do BHAZ desde 2020. Participou de duas reportagens premiadas pela CDL/BH (2021 e 2022); de reportagem do projeto MonitorA, vencedor do Prêmio Cláudio Weber Abramo (2021); e de duas reportagens premiadas pelo Sebrae Minas (2021 e 2023).

Mais lidas do dia

Leia mais

Acompanhe com o BHAZ