Pesquisar
Close this search box.

Wallace, do Cruzeiro, faz enquete em tom ameaçador: ‘Daria um tiro na cara do Lula?’

Por

wallace lula
Ministro diz que não vai tolerar ameaças feitas por golpistas (Reprodução/@wallaceleandro08/Instagram + José Cruz/Agência Brasil)

O oposto Wallace Souza, jogador de vôlei do Sada Cruzeiro, fez uma publicação com teor de ameaça contra o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT). O jogador de vôlei postou uma enquete no Instagram perguntando a seus seguidores quem daria um tiro com na cara de Lula com a arma empunhada por ele num clube de tiro.

O atleta abriu uma caixinha de perguntas na rede sociais logo depois de publicar uma foto dele num clube de tiro. Dentre diversos questionamentos recebidos, o oposto, que é apoiador do ex-presidente Jair Bolsonaro (PL), compartilhou a mensagem sobre Lula.

Reprodução/@wallaceleandro08/Instagram

A mensagem veio junto com uma enquete, com a legenda, em tom irônico: “Alguém faria isso?”. Ele ainda colocou um emoji de anjinho junto à frase. Os seguidores poderiam votar em “sim” ou “não”.

Após o post repercutir, Wallaceu apagou a postagem.

Reprodução/@wallaceleandro08/Instagram

Por meio de nota (leia abaixo na íntegra), o Sada Cruzeiro disse que “lamenta profundamente” a publicação feita por Wallace em ameaça a Lula. “Vivemos um momento delicado, em que precisamos ter muita cautela com as nossas manifestações”. O clube disse ainda que “a violência nunca deve ser exaltada ou estimulada, e da parte do Sada Cruzeiro pedimos sinceras desculpas a todos”.

Nota do Sada Cruzeiro

“O Sada Cruzeiro lamenta profundamente a publicação realizada pelo nosso atleta Wallace e o seu conteúdo. Vivemos um momento delicado, em que precisamos ter muita cautela com as nossas manifestações.

As redes sociais podem parecer um espaço em que tudo está liberado, sem muita avaliação das possibilidades de interpretação, e isso é uma grande armadilha. Reforçaremos com todo o nosso staff, atletas e comissão técnica sobre a importância da responsabilidade no uso das mesmas.

Ressaltamos, principalmente, que a violência nunca deve ser exaltada ou estimulada, e da parte do Sada Cruzeiro pedimos sinceras desculpas a todos”.

Vitor Fernandes

Sub-editor, no BHAZ desde fevereiro de 2017. Jornalista graduado pela PUC Minas, com experiência em redações de veículos de comunicação. Trabalhou na gestão de redes do interior da Rede Minas e na parte esportiva do Portal UOL. Com reportagens vencedoras nos prêmios CDL (2018, 2019, 2020 e 2022), Sindibel (2019), Sebrae (2021) e Claudio Weber Abramo de Jornalismo de Dados (2021).

Mais lidas do dia

Leia mais

Acompanhe com o BHAZ