Atleta provoca e dedica medalha olímpica a empresas que se recusaram a patrociná-lo: ‘Beijinho!’

Jorge Fonseca
Jorge Fonseca conquistou a medalha de bronze na categoria de até 100kg do judô (Reprodução/RTP3)

O judoca português Jorge Fonseca aproveitou a conquista da medalha de bronze nas Olimpíadas de Tóquio para fazer uma homenagem inusitada: o atleta dedicou a medalha a empresas esportivas que se recusaram a patrociná-lo. Ele ainda aproveitou para provocar e mandar um “grande beijinho” para as marcas.

“Esta medalha, vou dedicar para a Adidas e Puma, porque me disseram que eu não tinha capacidade para ser representante da Puma. Então eu dedico essa medalha para os dirigentes da Puma e da Adidas”, disse o atleta em entrevista após a conquista.

“Já mostrei que sou bicampeão do mundo, terceiro nos Jogos Olímpicos. Qual estatuto que eu preciso mais para ser patrocinado pela Adidas e Puma? Essa medalha eu dedico para eles e um grande beijinho! Força Portugal, somos o maior!”, completou.

Jorge Fonseca conquistou a medalha de bronze na categoria de até 100kg do judô. O judoca derrotou o canadense Shady Elnahas nesta quinta-feira (29). Ele foi o primeiro atleta português a conquistar uma medalha nas Olimpíadas de 2020, e o 25° do país a realizar o feito na história dos Jogos Olímpicos.

Para o atleta, porém, o bronze ainda não foi suficiente. “Foi um dia épico, mas esta não era a medalha que eu queria, não foi por ela que trabalhei durante cinco anos, queria o ouro”, declarou. Mas não é por isso que ele vai deixar de comemorar: “Vou lutar para fazer a festa em Paris [Olimpíadas de 2024]. E vou montar também uma festa no Marquês de Pombal, para festejarmos todos juntos”.

Edição: Giovanna Fávero
Sofia Leão
Sofia Leãosofia.leao@bhaz.com.br

Repórter do BHAZ desde 2019 e graduanda em jornalismo pela UFMG (Universidade Federal de Minas Gerais). Participou de reportagem premiada pela CDL/BH e pelo Prêmio Sebrae de Jornalismo em 2021, além de figurar entre os finalistas do Prêmio Cláudio Weber Abramo de Jornalismo de Dados.

Comentários