Pesquisar
Close this search box.

Flávio Dino anuncia viaturas, nova Casa da Mulher e outros recursos para segurança pública em MG

Por

Flávio Dino em BH
Evento contou com inauguração de hangar da PRF no Aeroporto da Pampulha (Sofia Leão/BHAZ)

O ministro da Justiça e Segurança Pública, Flávio Dino (PSB-MA), esteve em Belo Horizonte nesta segunda-feira (21) para anunciar novos recursos do governo federal para o estado de Minas Gerais. Os investimentos fazem parte do Programa de Ação na Segurança (PAS) e do Programa Nacional de Segurança Pública com Cidadania – (Pronasci) 2.

O ato contou com a entrega de 62 viaturas, nove drones, mais de 60 pistolas e outros armamentos e equipamentos para as forças de segurança de Minas. O ministro ainda anunciou o repasse de R$ 2,9 milhões para o programa Escola Segura, além da implantação da Casa da Mulher Brasileira em Juiz de Fora.

“Essa visita representa, somando, um aporte de aproximadamente R$ 72 milhões distribuídos entre esses vários itens. Cumprimos, assim, eu, o ministro Alexandre Silveira [Minas e Energia] e Wellington Dias [Desenvolvimento], as diretrizes do governo Lula no sentido de apoiar todas as parcerias importantes para Minas Gerais”, declarou Flávio Dino.

Além do anúncio dos recursos, o evento contou com a inauguração de um hangar da Polícia Rodoviária Federal (PRF) no Aeroporto da Pampulha, em parceria com o governo estadual, para fortalecer o serviço aeromédico da corporação.

Além dos três ministros, participaram do ato o prefeito de Belo Horizonte, Fuad Noman (PSD); o Secretário de Estado de Justiça e Segurança Pública de Minas Gerais, Rogério Greco; a prefeita de Contagem, Marília Campos (PT); além de vereadores de BH e deputados estaduais e federais. O governador Romeu Zema (Novo) não marcou presença.

Recursos

As 62 viaturas entregues ao estado consistem em 18 do Pronasci, dez da PRF, uma da Secretaria Nacional de Políticas Penais (Senappen) e outras 33, no valor estimado de mais de R$ 12 milhões.

Já os armamentos e equipamentos são nove drones, 67 pistolas, 6,9 mil munições variadas, 230 adaptadores para coldre, 200 chapéus de selva, 30 capacetes balísticos, 30 coletes, e outros materiais, no valor estimado total de R$ 3,7 milhões.

Os R$ 2,9 milhões do edital Escola Segura, da Secretaria Nacional de Segurança Pública (Senasp), serão distribuídos para sete municípios de Minas Gerais da seguinte forma:

  • Belo Horizonte: R$ 986 mil
  • Sete Lagoas: R$ 641 mil
  • Juiz de Fora: R$ 787 mil
  • Andradas: R$ 420 mil
  • Pirapora: R$ 695 mil
  • Ipatinga: R$ 698 mil
  • Patrocínio: R$ 716 mil

A chegada do PAS e do Pronasci 2 a Minas ainda conta com repasse do Fundo Nacional de Segurança Pública (FNSP), feito pela Senasp ao estado, no valor de R$ 39,7 milhões. “R$ 20 milhões foram depositados hoje, e até o final do ano vamos integralizar os outros R$ 19 milhões”, detalhou Flávio Dino.

As autoridades também assinaram um termo de adesão para a implantação da Casa da Mulher Brasileira em Juiz de Fora, na Zona da Mata. O espaço terá 3 mil m² de área, sendo 1,5 mil m² quadrados de área construída, incluídos os equipamentos. O valor estimado é de R$ 8 milhões.

Pronasci 2 e PAS

Lançado em 15 de março, a segunda edição do Pronasci visa articular ações de segurança pública para a prevenção, controle e repressão da criminalidade, estabelecendo políticas sociais e ações de proteção às vítimas com a promoção dos direitos humanos.

De acordo com o MJSP (Ministério da Justiça de Segurança Pública), o objetivo é intensificar e propor uma cultura de paz, de apoio ao desarmamento e de combate sistemático aos preconceitos de gênero, étnico, racial, geracional, de orientação sexual e de diversidade cultural.

O Pronasci 2 tem como eixos prioritários o fomento às políticas de segurança pública com cidadania, com foco em territórios mais vulneráveis e com altos indicadores de violência; combate ao racismo estrutural e à violência de gênero; bolsa-formação para agentes de segurança, apoio às vítimas da criminalidade e o fomento às políticas de cidadania, com foco no trabalho e ensino formal e profissionalizante para presos e egressos.

A iniciativa é executada pela União em regime de cooperação com estados, Distrito Federal e municípios, mediante programas, projetos e ações de assistência técnica e financeira.

O PAS engloba medidas para combater o tráfico de drogas, a violência nas escolas, o crime ambiental e a violência contra a mulher.

O projeto também tem o objetivo de proteger a região Amazônica, valorizar profissionais de segurança, apreender armas e munições ilegais, e desenvolver operações integradas entre forças policiais.

BHAZ estreia podcast na terça-feira

BHAZ vai estrear o podcast “Arreda pra Cá”, nesta terça-feira (22). Será uma série de bate-papos com os “maiorais” de Belo Horizonte e de Minas Gerais, para aqueles que amam uma fofoca e adoram ouvir um bom “causo”.

Os convidados vão conversar sobre arte, história, cerveja, rolês e, principalmente, sobre as nossas mineirices. Os episódios serão exibidos diretamente do estúdio do BHAZ, no formato sofá e aconchego.

Arreda pra Cá! BHAZ lança podcast em vídeo com os ‘maiorais’ de BH e Minas Gerais

Sofia Leão

Repórter do BHAZ desde 2019 e graduada em jornalismo pela UFMG (Universidade Federal de Minas Gerais). Participou de reportagens premiadas pelo Prêmio Cláudio Weber Abramo de Jornalismo de Dados, pela CDL/BH e pelo Prêmio Sebrae de Jornalismo em 2021.

Mais lidas do dia

Leia mais

Acompanhe com o BHAZ