Luisa Mell chora ao desabafar sobre lipoaspiração não autorizada: ‘Só penso em morrer’

luisa-mell-chorando
Luisa Mell apareceu aos prantos durante uma live no Instagram (Reprodução/@rainhamatos/Instagram)

A ativista Luisa Mell apareceu aos prantos em seu Instagram, nessa segunda-feira (27), ao comentar sobre a cirurgia estética a qual foi submetida sem seu consentimento. Abalada, ela desabafou que “pensa em morrer” por conta da violência médica sofrida. Sedada para fazer outro procedimento, Luisa passou por uma lipoaspiração nas axilas no fim de 2020, autorizada pelo seu então marido.

“Nunca mais vai ser daquele jeito. Nunca mais eu pude usar meu armário, as minhas roupas porque ele achou que eu tinha muita gordura, baseado no conceito estético sei lá de quem. Não é justo isso, gente. não é justo isso, sério… Não é possível”, desabafou a ativista enquanto chorava.

Ela ainda relatou que seu pescoço ficou todo queimado, e disse que depois mostraria aos seguidores. “Desculpa, eu precisava falar pra vocês porque eu só penso em morrer nos últimos tempos, mas eu tenho meu filho, eu tenho meus bichos. Eu não quero viver assim”.

A lipoaspiração indesejada

Em julho deste ano, Luisa revelou em entrevista para o Na Telinha que se divorciou do empresário Gilberto Zaborowsky por conta da autorização que ele deu para a cirurgia nas axilas. Ela estava na clínica para realizar um laser e, quando acordou, se deparou com a lipoaspiração indesejada.

“Ele [médico] disse: ‘Te dei de presente uma lipoaspiração nas axilas. Você tinha muita gordura, não dava’. Sim, ele fez uma cirurgia estética em mim sem minha autorização. Me senti violentada”, disse Mell. “Sofri uma violência médica e não consigo superar”.

Ademais, ela contou que estava bem com o próprio corpo mas, desde a intervenção, passou a ficar insatisfeita. “Me deixou com cicatrizes, deformou minhas axilas e queimou também o meu pescoço. Comecei terapia, comecei a tomar remédio, mas mesmo assim está muito difícil lidar com isto”.

Edição: Vitor Fernandes
Andreza Mirandaandreza.miranda@bhaz.com.br

Estudante de Jornalismo na Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG).

Comentários