Home Notícias Brasil ‘Não sou bandido. Cometi um erro’, diz goleiro Bruno em entrevista a ESPN

‘Não sou bandido. Cometi um erro’, diz goleiro Bruno em entrevista a ESPN

O goleiro Bruno tem sido assunto constante nas mídias sociais. O atleta foi apresentado na manhã de terça-feira (14) no Boa Esporte, de Varginha. Muitas pessoas criticaram a contratação do esportista, que foi condenado a 22 anos pelo homicídio da ex-companheira Eliza Samúdio. Bruno deixou a prisão no mês passado, após conseguir um habeas corpus.

Em entrevista dada ao canal de televisão ESPN, Bruno pede uma segunda chance. “A pessoa que sai do mundo onde eu estava e pede oportunidade é para não se tornar bandido. Não sou bandido. Cometi um erro. Grave? Grave”, afirmou.

Durante a entrevista, ele também nega que esteja comparando seu caso com o do jogador Edmundo, em que duas pessoas morreram após o atleta bater o carro em 1995. “Não estou comparando caso e caso. Não existe pecadinho e pecadão. Tudo é pecado”. Ele também falou sobre arrependimento. “Cara, o que passou, passou. Você tem que se arrepender das coisas do passado e se tornar uma pessoa melhor”.

O Boa Esporte já perdeu praticamente todos os patrocinadores após a contratação do goleiro, somente a Prefeitura de Varginha ainda continua com o time. Mesmo sem patrocínios, a diretoria do clube afirma que continuará o vínculo com o atleta. A previsão é de que a estreia de Bruno nos gramados ocorra dentro dos próximos 40 dias.

Comentários

Carregar mais em Brasil