Cruze Sport6 RS tem visual e fôlego de esportivo

A roupagem esportiva do hatch médio da Chevrolet inclui grade frontal com detalhes em cromo escurecido e logo RS, gravata símbolo da marca na cor preta, maçanetas externas na cor da carroceria com detalhe cromado, rodas de liga de 17 polegadas com desenho exclusivo e acabamento interno diferenciado no painel, painéis de porta, volante e maçanetas, com predominância da cor preta. Debaixo do capô, o motor 1.4 turbo, de 153cv com etanol, ajudado pelo eficiente câmbio automático de seis marchas, acompanha bem o ritmo esportivo com boas acelerações e retomadas de velocidade e com um nível de consumo bem razoável. Infelizmente, como o segmento dos hatchs médios está em baixa no mercado brasileiro, o Cruze Sport6 não deverá permanecer em produção.

Foto: Eduardo Aquino

Com diversos detalhes externos e internos na cor preta, como rodas, grade dianteira, para-choque, teto, retrovisores, painel, entre outros, o Cruze Sport6 RS tem um estilo que agrada a quem curte um visual esportivo.

Acabamento

Com bancos revestidos em couro com costuras aparentes, acabamento diferenciado no painel, incluindo detalhes em preto brilhante e cromados no painel central, console e volante, o hatch tem acabamento interior de boa qualidade.

Leia mais: Teste Ford Maverick Lariat

Foto: Eduardo Aquino

Graças à boa distância entre-eixos (de 2,70m), o espaço interno é amplo e acomoda com conforto quatro adultos de alta estatura. O mesmo não acontece com o porta-malas, que é um pouco limitado (270 litros) para um hatch desse porte.

Posição de dirigir

Para encontrar uma boa posição de dirigir, o motorista conta com ajustes manuais de altura e distância da coluna de direção. O volante tem boa pega e agrupa comandos do áudio, computador de bordo, controle de velocidade, entre outros.

Leia mais: Honda City Touring

Foto: Eduardo Aquino

Com uma tela colorida de LCD no centro, onde são exibidas as informações do computador de bordo, o quadro de instrumentos é analógico, com velocímetro e conta-giros que possibilitam boa e rápida visualização.

O sistema multimídia MyLink é de última geração, tem tela sensível ao toque de oito polegadas, possibilita a conexão de dois celulares via Bluetooth e conversar por mensagens, escolher rotas e acessar as playlists por comandos de voz.

Leia mais: Teste do Fiat Pulse Drive 1.3

Foto: Eduardo Aquino

Em termos de conectividade, o Cruze Sport6 é bem completo. Começando pelo já consagrado sistema OnStar de assistência pessoal, pelo qual o motorista tem acesso a serviços de emergência, rastreamento, assistência mecânica, entre outros.

Conectividade

Outro grande barato do hatch é o Wi-Fi a bordo, com sinal que, segundo a GM, é 12 vezes mais intenso para manter uma boa conectividade. Além disso, possibilita a conexão de até sete dispositivos ao mesmo tempo, ou seja, todos os ocupantes desfrutam.

Leia mais: Renault Kwid Outsider

Foto: Eduardo Aquino

Entre os outros mimos que o modelo tem, estão o sistema de partida do motor por controle remoto com acionamento do ar-condicionado, sensores de chuva e crepuscular, controle automático de velocidade e som premium.

Segurança

Na lista de itens de segurança, destaque para os seis airbags, monitoramento da pressão dos pneus, controles de tração e estabilidade, assistência de frenagem de emergência e sistema Isofix para fixar cadeiras infantis e indicador de nível de vida de óleo.

Leia mais: Campeonato de Motohabilidade

Foto: Eduardo Aquino

Pode parecer bobagem, mas é interessante o sistema de alerta de esquecimento de pessoa ou objeto no banco traseiro. Por outro lado, entre os itens de série, sentimos falta do carregador de celular por indução, alerta de colisão e assistente de estacionamento.

Turbo e injeção

Com turbo e injeção direta de combustível, o motor 1.4 não nega a esportividade que a roupagem externa enfatiza. O Cruze Sport6 RS acelera de 0 a 100km/h em pouco mais de 9 segundos e tem velocidade máxima que beira os 215km/h.

Leia mais: Teste do Mercedes C200 AMG Line

Foto: Eduardo Aquino

Dá gosto acelerar o hatch, pois o motor está girando em cerca de 2.000rpm, o torque máximo já está disponível, possibilitando ultrapassagens muito seguras e uma boa mobilidade no tumultuado trânsito urbano.

Consumo

O consumo não foi dos melhores, mas é razoável para um modelo que tem uma pegada mais esportiva. Com apenas etanol no tanque, apenas o motorista e ar desligado, o computador de bordo registrou médias de 6,8km/l (cidade) e de 9,6km/l (estrada).

Leia mais: Nova Nissan Frontier

Foto: Eduardo Aquino

O câmbio automático de seis marchas aproveita bem toda a força do motor, com trocas suaves e sem trancos. Mas, numa versão com pegada esportiva como essa, faz falta as borboletas para as trocas manuais junto ao volante.

Calibragem

A assistência elétrica da direção poderia ter mais “peso” em altas velocidades, mas está bem calibrada para as manobras em vagas apertadas, quando o motorista conta também com câmera de ré de boa resolução e sensores de estacionamento dianteiro e traseiro.

A suspensão segura bem a onda quando o motorista resolve carcar o pé no pedal da direita, deixando o hatch sempre na mão, mesmo nas curvas mais fechadas. Por outro lado, o conjunto deveria absorver melhor as irregularidades do piso.

Texto e fotos: Eduardo Aquino

Foto: Eduardo Aquino

Ficha Técnica

Motor – Dianteiro, transversal, quatro cilindros em linha, 1.399cm³ de cilindrada, turbo, Flex, 16V, que gera potências de 150cv (gasolina) a 5.600rpm e de 153cv (etanol) a 5.200rpm e torques de 24kgfm (gasolina) a 2.100rpm e de 24,5kgfm (etanol) a 2.000rpm

Transmissão – Tração dianteira e câmbio automático de seis marchas

Direção – Assistência elétrica

Suspensão – Dianteira, independente, do tipo McPherson; e traseira, eixo de torção

Dimensões – Comprimento, 4,44m; largura, 1,80m; altura, 1,48m; e entre-eixos, 2,70m

Altura do solo – 10,5cm

Diâmetro de giro – 11,8m

Freios – A disco nas quatro rodas, sendo ventilados na dianteira e sólidos na traseira

Rodas e pneus – Rodas de liga de 17 polegadas, calçadas com pneus 215/50 R17

Carga útil (ocupantes mais bagagem) – 450 quilos

Porta-malas – 290 litros

Tanque – 52 litros

Peso (em ordem de marcha) – 1.345 quilos

Foto: Eduardo Aquino

Equipamentos – Seis airbags (frontais, laterais e de cortina), monitoramento da pressão dos pneus, alerta de esquecimento de pessoa ou objeto no banco traseiro, controles eletrônicos de tração e estabilidade, faróis e lanternas de neblina, luzes diurnas e de posição em LED, regulagem de altura dos faróis, sensores de estacionamento dianteiro e traseiro, sistema Isofix para fixar cadeiras infantis, assistência de frenagem de urgência, aplique decorativo cromado no painel de instrumentos, aplique decorativo no painel com revestimento premium, controles e saídas de ar com detalhes cromados, grade frontal com detalhes em cromo escurecido e logo RS, gravata Chevrolet em Preto (frontal e traseira), maçanetas externas na cor do veículo com detalhe cromado, maçanetas internas cromadas, painel de portas com revestimento premium, roda de liga leve de 17 polegadas exclusivas, volante com detalhe cromado, sensores crepuscular e de chuva, ar-condicionado com controle eletrônico de temperatura, assistente de partida em subida, câmera de ré de alta resolução, coluna de direção com regulagem em altura e profundidade, computador de bordo colorido, controle automático de velocidade, acendimento automático de faróis e lanternas ao destravar as portas pelo controle remoto, sistema de partida do motor por controle remoto com acionamento do ar-condicionado, teto solar elétrico, teto e aerofólio traseiro pintado em preto, banco com revestimento premium na cor preta com costuras vermelhas, banco do motorista com regulagem de altura e distância, banco traseiro bipartido e Chevrolet MyLink com tela LCD sensível ao toque de oito polegadas (Android Auto e Apple CarPlay e entrada USB), controles de rádio e do celular no Volante, sistema premium de áudio e acabamento interno na cor preta.

Preços – R$ 152.280. Com pintura metálica, sobe para R$ 154.180.

Acelera Airedacao@aceleraai.com.br

Jornalistas Eduardo Aquino e Luís Otávio Pires são os editores do site Acelera Aí e da seção veículos do portal Bhaz

Comentários