Pesquisa Ipec: Lula tem 50% no 2º turno; Bolsonaro, 43%

Lula Bolsonaro
Lula se mantém à frente de Bolsonaro em nova pesquisa Datafolha

Pesquisa Ipec divulgada nesta segunda-feira (17) aponta que o ex-presidente Lula (PT) tem 50% de intenção de votos. Jair Bolsonaro (PL), candidato à reeleição, tem 43%.

Os eleitores que declararam que vão votar nulo ou em branco totalizam 5%. Indecisos são 2%.

O levantamento foi realizado entre sábado (15) e segunda-feira (17), quando foram entrevistadas 3.008 pessoas em 184 municípios. A margem de erro é de dois pontos percentuais, para mais ou para menos. A pesquisa foi registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) com o número BR-02707/2022.

De acordo com o instituto, o cenário de segundo turno continua estável.

No levantamento anterior, divulgado no último dia 10, Lula tinha 51% das intenções de voto contra 42% de Bolsonaro.

Pesquisa Ipec: Votos válidos

Se a eleição fosse hoje, segundo a pesquisa Ipec, Lula teria 54% dos votos válidos, e Bolsonaro, 46%. Para calcular os votos válidos, são excluídos os brancos, os nulos e os de eleitores que se declaram indecisos. O procedimento é o mesmo utilizado pela Justiça Eleitoral para divulgar o resultado oficial da eleição.

Este é o terceiro levantamento do Ipec após o primeiro turno das eleições.

Rejeição a Bolsonaro é maior

A quantidade de eleitores que dizem não votar em Bolsonaro de jeito nenhum é maior do que os que respondem o mesmo sobre Lula, segundo pesquisa Ipec. Pelo levantamento, 46% rejeitam o atual presidente, enquanto 41% não querem a volta do petista.

A rejeição aos dois caiu dentro da margem de erro em relação à última pesquisa. A queda de Bolsonaro foi de dois pontos percentuais, enquanto a de Lula foi de um ponto.

A certeza de voto em Lula também é maior: 45% contra 38% de Bolsonaro. Em comparação com a pesquisa divulgada na semana passada pelo Ipec, o atual presidente manteve o mesmo patamar, enquanto Lula apresentou queda de 1 ponto percentual.

Edição: Pedro Rocha Franco
Pedro Munhoz[email protected]

Editor de Política do BHAZ. Graduado em Direito pela Faculdade Milton Campos e em História pela UFMG, trabalhou como articulista de política no BHAZ entre 2012 e 2013. Atuou como assessor parlamentar desde 2016, com passagens pela Câmara dos Deputados, Câmara Municipal de Belo Horizonte e Assembleia Legislativa de Minas Gerais.

SIGA O BHAZ NO INSTAGRAM!

O BHAZ está com uma conta nova no Instagram.

Vem seguir a gente e saber tudo o que rola em BH!