Pesquisar
Close this search box.

BH sob alerta de temporal: Veja como se proteger durante chuvas fortes

Por

chuva forte em bh
Regional Centro-Sul tem risco de alagamento nesta terça-feira (Amanda Dias/BHAZ)

Belo Horizonte está sob alerta de receber a segunda chuva mais forte deste ano entre hoje (22) e amanhã. Segundo a Defesa Civil da cidade, o alerta vale para todas as regiões da cidade até às 8h de sábado (23). Confira orientações de como se proteger durante o temporal.

O comunicado da Defesa Civil aponta que as pancadas de chuva podem atingir até 70 mm durante este período. Além disso, há a possibilidade de rajadas de vento de 60 km/h.

O maior volume previsto para o ano ocorreu em 24 de janeiro, quando as precipitações previstas chegaram a 80mm.

O alto volume de chuvas pode causar quedas de árvores, alagamentos e danos em estruturas elétricas pela cidade. Por isso, a orientação à população é que fique atenta e siga as recomendações priorizando a segurança ao adotar medidas preventivas.

“Não subestime a força da água, não atravesse enxurradas, mude o seu trajeto para evitar locais com histórico de alagamentos. Em caso de tempestade com raios, busque abrigos em edificações ou veículos”, alerta o sargento Emerson Ribeiro, da Polícia Militar de Minas Gerais.

Proteja-se durante o temporal

Minas Gerais é um dos estados com a maior incidência de raios do Brasil, registrando mortes causadas pelas descargas atmosféricas, tanto em área rural quanto urbana. Por isso, é importante que a população esteja atenta para evitar acidentes e proteger equipamentos eletrônicos, que também podem ser danificados durante as tempestades.

O gerente de Saúde e Segurança do Trabalho da Cemig, João José Magalhães Soares, destaca que durante as tempestades com raios as pessoas devem procurar abrigo imediatamente. 

“Caso a pessoa esteja na rua, precisa procurar um local seguro, como um estabelecimento comercial, o que vale também para regiões rurais. É importante não ficar debaixo de árvores ou postes, que podem atrair a descarga atmosférica e, consequentemente, eletrocutar quem esteja próximo. O raio provoca queimaduras gravíssimas e pode causar parada cardiorrespiratória, que pode levar à morte”, explica.

Além disso, todos os equipamentos elétricos devem ser retirados das tomadas para evitar risco de queimarem. Essa atitude preventiva também contribui para a segurança das pessoas. 

Outra maneira de evitar acidentes durante o temporal, é tomar cuidados como como não se abrigar ou estacionar debaixo de árvores, torres de transmissão e placas de propaganda, desligar o quadro geral de energia e acionar a Defesa Civil (telefone 199) e o Corpo de Bombeiros (telefone 193) em caso de imprevistos.

Veja outras dicas de prevenção:

  • Antes de sair de casa, consulte as condições da estrada e mude seu trajeto para evitar locais com histórico de alagamentos. Só siga adiante se a água estiver abaixo do meio da roda.
  • Não tente atravessar enxurradas.
  • Não se abrigue nem estacione embaixo de árvores.
  • Nunca se aproxime de cabos rompidos.
  • Em caso de raios e tempestades, procure abrigo em construções e veículos. Se estiver ao ar livre e não houver abrigo disponível, posicione-se em posição de agachamento, com os pés juntos e a cabeça abaixada, mantendo-se o mais baixo possível.
  • Se ouvir sons de rachaduras no solo ou notar movimentos de terra, saia da área afetada o mais rápido possível.
  • Após a ocorrência do deslizamento, não retorne à área de risco, até que as autoridades deem a devida liberação e garantam a segurança.
  • Em caso de emergência, ligue: 190 PMMG, 193 Bombeiros, 199 Defesa Civil. 

Emissão de alertas

Os moradores de Belo Horizonte podem receber os alertas de risco de chuvas fortes, granizo, tempestades, vendavais, alagamentos, risco de deslizamentos de terra e outros fenômenos meteorológicos pelo Canal Público do WhatsApp.

A população também pode acompanhar os alertas e as recomendações da Defesa Civil por SMS. Para se cadastrar, basta enviar uma mensagem de texto com o CEP da sua rua para o número 40199 e uma mensagem de confirmação será enviada na sequência. O serviço não tem custo.

Pelas redes sociais os alertas podem ser acompanhados por meio do InstagramXFacebook e pelo canal público do Telegram no endereço: defesacivilbh.

Isabella Guasti

Jornalista graduada pela UFMG (Universidade Federal de Minas Gerais) e repórter do BHAZ desde 2021. Participou de reportagem premiada pela CDL/BH em 2022 e também de reportagem premiada pelo Sebrae Minas em 2023.

Mais lidas do dia

Leia mais

Acompanhe com o BHAZ