Pesquisar
Close this search box.

BH amplia leitos e médicos para tratamento de doenças respiratórias

Por

pbh vacina dengue crianças
Imunizantes serão disponibilizados nos 152 centros de saúde da capital (PBH/Rodrigo Clemente)

A PBH (Prefeitura de Belo Horizonte) anunciou, nesta quarta-feira (10), medidas que serão tomadas para conter o avanço de doenças respiratórias na capital mineira ao longo dos próximos meses. De acordo com o Município, R$ 13 milhões serão aplicados no plano de combate.

As medidas incluem:

  • Ampliação de leitos hospitalares;
  • Contratação e capacitação de profissionais;
  • Oferta de teleconsultas.

Mais de 360 profissionais entre médicos, enfermeiros, técnicos de enfermagem e auxiliares administrativos, devem ser contratados. A PBH também informou que as equipes que atuam no SAMU também serão reforçadas.

Além disso, alguns centros de saúde continuarão a abrir aos finais de semanas pelos próximos meses. A vacina contra a gripe segue disponível em todos os 152 centros de saúde da cidade, de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h. Clique aqui para ver os endereços.

A PBH ressalta que as crianças são o público mais vulnerável às doenças respiratórias. Dessa forma, a Prefeitura reforçou o atendimento pediátrico com disponibilização de 95 leitos para crianças em Belo Horizonte. São eles:

  • 33 no Hospital Odilon Behrens;
  • 30 no Hospital Universitário Ciências Médicas;
  • 12 no Hospital da Baleia;
  • 10 na Santa Casa;
  • 10 no Hospital Infantil João Paulo II.

Amanda Serrano

Foi estagiária do Jornal Estado de Minas e da TV Band Minas. Também trabalhou na assessoria política. Atualmente é repórter do Portal BHAZ.

Mais lidas do dia

Leia mais

Acompanhe com o BHAZ