Imunização contra gripe cai de 96% do público-alvo em 2020 para 78,8% em 2021

maior remessa pfizer
A vacinação é importante para a proteção contra o vírus (Fábio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil)

O Ministério da Saúde enfrenta dificuldades para bater a meta de vacinação contra a gripe em 2021. Mesmo com a campanha que começou em abril tendo sido ampliada em dois meses e aberta para a população em geral, o público-alvo alcançado até agora é de 78,8%, porcentagem menor do que nos últimos anos.

Em 2020, a imunização contra a influenza alcançou 96% do público-alvo, que inclui crianças, gestantes, puérperas, idosos, indígenas e trabalhadores da saúde. Em 2019, o órgão registrou 91% da meta.

A expectativa do governo neste ano é vacinar 79.710.239 pessoas. Foram distribuídas 80.039.990 doses. Apenas 62.885.043, porém, receberam o imunizante até agora – e a campanha, teoricamente, deve se encerrar no próximo dia 30, quinta-feira.

Leia a reportagem completa no Metrópoles, parceiro do BHAZ.

Metrópoles

O Metrópoles é um veículo de comunicação ágil, com linguagem acessível e totalmente focada no digital. Informar, escutar, interagir, debater, denunciar, diversificar, entreter e prestar serviço à sociedade do Distrito Federal e do país são especialidades do portal.

Comentários