Bolsonaro se encontra com Maurício Souza e brinca após comentários homofóbicos do atleta

bolsonaro e mauricio souza
Os dois chegaram juntos no Palácio da Alvorada, em Brasília, e cumprimentaram algumas pessoas do lado de fora (Reprodução/@patriotas/Twitter)

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) interagiu com seus apoiadores, nesta segunda-feira (22), ao lado do atleta Maurício Souza, demitido recentemente da equipe de vôlei do Minas Tênis Clube após fazer comentários homofóbicos. Os dois chegaram juntos ao Palácio da Alvorada, em Brasília (DF), e cumprimentaram algumas pessoas do lado de fora.

“Alguém conhece esse cara aqui?”, pergunta Bolsonaro ao seu eleitorado no momento em que Maurício sai de dentro do carro. Enquanto o jogador é ovacionado, o presidente brinca: “Vou ensinar o Maurício a jogar vôlei, porque ele está meio devagar”.

Pelo Instagram, o atleta agradeceu pelo momento. “Respeito máximo, presidente Jair Bolsonaro. Obrigado, estamos juntos”, escreveu. Veja o vídeo:

Apoio mútuo

Maurício Souza foi demitido pelo Minas Tênis Clube no final de outubro após criticar, com falas homofóbicas, a sexualidade do personagem “Super-man” em uma nova edição dos quadrinhos lançada pela DC Comics (relembre aqui).

Em meio a polêmica, o presidente Jair Bolsonaro chegou a comentar o caso, se posicionando em apoio ao atleta. “Pu** que pariu, impressionante né? Tudo é homofobia, tudo é feminismo”, disse o mandatário quando soube da notícia (veja aqui).

Declaradamente apoiador de Bolsonaro, em agosto deste ano Maurício Souza visitou o Palácio do Planalto e a Câmara dos Deputados, onde se encontrou com o presidente e com seu filho, o deputado Eduardo Bolsonaro (PSL). Na ocasião, o atleta presenteou a família com uma camisa da Seleção Brasileira de vôlei.

Edição: Vitor Fernandes
Larissa Reis
Larissa Reislarissa.reis@bhaz.com.br

Estudante de Jornalismo na Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG).

Comentários