Home Notícias Brasil Namorado de jovem assassinada após receber ajuda para trocar pneu desabafa

Namorado de jovem assassinada após receber ajuda para trocar pneu desabafa

O namorado da estudante Mariana Bazza, de 19 anos, usou o Facebook nessa quinta-feira (25) para fazer uma espécie de desabafo a respeito do assassinato dela e para homenageá-la. A jovem foi encontrada morta na quarta-feira, um dia depois de desaparecer na cidade de Bariri (SP). Um homem que a ajudou a trocar o pneu do carro em que estava confessou o crime. Ele já tem passagens pela polícia por roubo e estupro.

No texto em que fala sobre a perda de Mariana, Jefferson Vianna diz que nunca imaginou poder chamar a jovem de namorada um dia e que sente saudades dela. “Tudo o que sinto se resume em saudade”, escreveu em um trecho da postagem. Ao todo, a publicação já tem mais de 3 mil compartilhamentos, além de milhares de reações e comentários.

“Deus coloca as pessoas em nossas vidas sempre por um motivo, lembro a primeira vez que te vi e logo me encantei, mas nunca imaginei que um dia te chamaria de minha namorada. Quando menos esperávamos ali estávamos jurando amor eterno. Você se tornou minha companhia, minha melhor amiga, a pessoa que eu queria viver todos os dias de minha vida”, escreveu o rapaz.

No post, Jefferson ainda falou sobre a última conversa que teve com a namorada. “(…) criamos sonhos juntos, nossa última conversa era qual o nome que íamos dar aos nossos filhos, planos de logo morarmos juntos e dividir mais que carinho um lar, construindo juntos nossos objetivos, como você dizia todos os dias ‘bom dia meu amor’ e se logo eu não respondesse já ficava brava comigo kkkk”, escreveu em outro momento (leia na íntegra abaixo).

O caso

Mariana desapareceu nessa terça-feira (24), quando voltava da academia. O autor do crime teria oferecido ajuda para que ela trocasse o pneu do carro, que teria furado.

+ Jovem desaparece após aceitar ajuda para trocar pneu do carro: ‘Só quero minha filha de volta’

Imagens de câmeras de segurança mostram o momento em que o suspeito, que trabalha na reforma de uma chácara perto da academia, se aproxima da moça e oferece ajuda.

A universitária chegou a enviar, ao namorado, uma foto do homem trocando o pneu. Depois disso amigos e familiares não conseguiram conversar mais com ela.

Comentários