Pesquisar
Close this search box.

Homem morre ao cair de sacada de hotel em Uberaba, após confusão com cinco hóspedes

Por

Vítima caiu do terceiro andar (Reprodução/Google Street View)

Um homem, de 35 anos, morreu após cair do terceiro andar de um hotel em Uberaba, no Triângulo Mineiro, na madrugada deste domingo (9). Pelo menos cinco homens, com idades entre 19 e 41 anos, são suspeitos de estarem envolvidos no caso, que foi registrado como homicídio.

Uma testemunha relatou à polícia que passava pela rua do hotel quando ouviu uma confusão. Ela viu a vítima se segurando na sacada do quarto, com as costas voltadas para a rua. Dois homens estavam na parte superior da sacada e parecia que a vítima tentava se livrar deles. No momento em que ele se soltou da dupla, caiu em direção ao chão.

Segundo registro da Polícia Militar, a vítima foi encontrada caída na calçada do hotel, com sangue escorrendo da cabeça. Uma ambulância do Samu foi chamada e a equipe constatou o óbito no local. O corpo apresentava sinais de agressão e a perícia indicou que se tratava de uma “morte violenta”. A hipótese de suicídio foi descartada pelo perito criminal.

Os policiais que entraram no hotel interrogaram os cinco suspeitos. Todos negaram envolvimento na morte do homem, alegando que a vítima estava sob efeito de drogas e que teria agredido os outros hóspedes antes de pular da sacada.

A delegada de plantão na madrugada de domingo solicitou que o caso fosse registrado como homicídio. Segundo a polícia, a delegada afirmou que a perícia foi “conclusiva no sentido da inexistência de suicídio”.

Ainda de acordo com a perícia, o quarto de onde o homem teria caído tinha sinais de confusão, estando com o vidro da porta da sacada quebrado, vaso sanitário destruído e a cama bagunçada. Os suspeitos foram detidos e encaminhados à delegacia de polícia.

Isabella Guasti

Jornalista graduada pela UFMG (Universidade Federal de Minas Gerais) e repórter do BHAZ desde 2021. Participou de reportagem premiada pela CDL/BH em 2022 e também de reportagem premiada pelo Sebrae Minas em 2023.

Mais lidas do dia

Leia mais

Acompanhe com o BHAZ