Pesquisar
Close this search box.

VÍDEO: ‘Cordão humano’ resgata vítimas da chuva ilhadas no RS

Por

Dos 497 municípios gaúchos, 341 foram afetados por alguma ocorrência relacionada às chuvas (Reprodução/Redes Sociais)

O cenário de destruição registrado no Rio Grande do Sul continua mobilizando ajuda comunitária. Um vídeo divulgado ontem (5) no X, antigo Twitter, mostra um “cordão humano” de resgate a vítimas das chuvas fortes que assolam o estado desde o último dia 26.

Formado por civis e paramilitares, o “cordão humano” se formou na cidade de Canoas, na Grande Porto Alegre. As imagens mostram pessoas submersas na água suja enquanto tentam puxar barcos que reúnem desabrigados. Também é possível notar a altura atingida pela água, que cobre parte das moradias locais.

Nesse domingo (5), a Defesa Civil do Rio Grande do Sul atualizou os números sobre a tragédia causada pelas chuvas fortes no estado. O novo boletim indica que há 78 mortes confirmadas, 175 feridos e 105 desaparecidos.

Ainda segundo o relatório, quase 850 mil pessoas foram impactadas pelo mau tempo. Dessas, 134.331 tiveram de abandonar as casas em que viviam, sendo que 115.844 estão desalojadas e outras 18.487 vivem em abrigos. Dos 497 municípios gaúchos, 341 foram afetados por alguma ocorrência relacionada às chuvas.

A catástrofe já é considerada o pior desastre climático da história gaúcha pelas autoridades. O total de mortes já ultrapassou o número do desastre anterior (54), que ocorreu em setembro de 2023, quando um ciclone extratropical atingiu o estado.

Como ajudar?

O governo do Rio Grande do Sul reativou a chave Pix para doações em dinheiro para ajudar as vítimas de enchentes no estado. A conta bancária nomeada como SOS Rio Grande do Sul, aberta no Banrisul, receberá os valores pelo Pix do Cadastro Nacional da Pessoa Jurídica (CNPJ) número 92.958.800/0001-38. As contribuições em dinheiro podem ser feitas por pessoas físicas e jurídicas.

Nesse canal oficial de doações, os recursos serão revertidos para o apoio humanitário às vítimas das enchentes e para a reconstrução da infraestrutura das cidades. A gestão e fiscalização dos recursos doados ficarão a cargo de um Comitê Gestor, presidido pela Secretaria da Casa Civil do estado e auditado por representantes do poder público local e de entidades de assistência social.

Dados para doação:

Conta SOS Rio Grande do Sul
Chave Pix – CNPJ 92958800/000138
Banrisul

Alerta

A Defesa Civil do Rio Grande do Sul informa que — para aumentar o nível de prevenção — as pessoas podem fazer um cadastro e receber alertas meteorológicos do órgão. Basta enviar o CEP da localidade por SMS para o número 40199. Uma confirmação vai ser enviada e o número ficará disponível para receber as informações.

Também é possível se cadastrar pelo Whatsapp: (61) 2034-4611. Um robô de atendimento fará a interação e o usuário poderá compartilhar a localização atual ou qualquer outra de interesse para receber as mensagens da Defesa Civil.

Thiago Cândido

Estudante de Jornalismo na Universidade Federal de Minas Gerais. Colunista no programa Agenda da Rede Minas de Televisão. Estagiário do BHAZ desde setembro de 2023.

Mais lidas do dia

Leia mais

Acompanhe com o BHAZ