Hemominas convoca doadores e diz que estoque de sangue está em situação crítica

hospital da baleia bh estoque sangue
Hemominas faz apelo para que população doe sangue (Adair Gomez/Hemominas)

A Fundação Hemominas faz uma convocação geral para que a população vá aos postos de atendimento para doar e equilibrar os estoques de sangue de Minas Gerais. O tipo O positivo está em nível crítico, enquanto outros seis (O negativo, A positivo, A negativo, B positivo, B negativo e AB negativo) estão em estado de alerta.

Atualmente, os estoques de sangue estão, em média, 32% abaixo do ideal, sendo que a queda do tipo O positivo ultrapassa 50%. A única bolsa que está em situação estável é a do tipo sanguíneo AB+.

Os níveis baixos das bolsas de sangue podem gerar influência negativa em várias áreas da saúde em todo o estado de Minas Gerais.

Por causa da escassez de tipo específico, tratamentos podem ser interrompidos colocando a vida de pacientes em risco. Por isso, é fundamental que a população se mobilize para manter os estoques sempre abastecidos.

Hospital da Baleia em BH adia cirurgias por baixa no estoque de sangue

Um dos efeitos da insuficiência de estoque de sangue ocorreu recentemente no Hospital da Baleia em BH. A unidade precisou adiar seis cirurgias eletivas devido ao baixo estoque de sangue.

De acordo com o hospital, a medida foi necessária para garantir a segurança dos pacientes agendados. Só assim, seria possível realizar o cumprimento de priorização de critérios pré-estabelecidos que consideram a clínica do paciente e avaliação do risco assistencial.

“Quem repassa sangue para o Hospital da Baleia é o Hemominas, que está sofrendo com o desabastecimento, devido ao baixo número de doadores de sangue. Isso impacta diretamente no atendimento do hospital, podendo levar ao cancelamento de cirurgias, adiamento de procedimentos eletivos e tratamento dos pacientes com indicação de transfusão”, destaca Rafaella Matos, gerente de Enfermagem Ambulatorial do Hospital da Baleia.

A unidade realiza, em média, 350 transfusões de sangue por dia. São usadas 2 bolsas de hemácias e uma bolsa de plaquetas por cada procedimento cirúrgico.

Quais os critérios para doar sangue

Segundo o Hemominas, existem critérios básicos para avaliar quem se encontra ou não apto a doar sangue aqueles estabelecidos. Todos são definidos pelo Ministério da Saúde e pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), órgãos responsáveis pela legislação nacional de hemoterapia.

Entre os critérios básicos, destacam-se:

  • Estar em boas condições de saúde.
  • Ter entre 16 e 69 anos de idade – jovens de 16 e 17 anos podem doar, acompanhados pelo responsável legal ou portando autorização. A partir de 61 anos, o candidato à doação precisa comprovar a realização de pelo menos uma doação anterior
  • Pesar mais de 50 kg.
  • Estar bem descansado no momento da doação.
  • Estar alimentado – após almoço, jantar ou refeições mais gordurosas, deve-se aguardar três horas para efetuar a doação.
  • Não ingerir bebida alcoólica 12 horas antes da doação.
  • Não ter sido exposto a situação de risco para doenças transmissíveis pelo sangue.
  • Não ter tido hepatite após os 11 anos.
  • Apresentar documento de identificação oficial e original, com foto, filiação e assinatura.

O agendamento para doar sangue em alguma unidade do Hemominas pode ser feito pelo aplicativo MGapp ou no site do governo. Além disso, a marcação pode ocorrer via telefone. Clique aqui e veja a lista completa das unidades com os números.

João Lages[email protected]

Repórter no BHAZ desde setembro de 2023. Jornalista com 4 anos de experiência em veículos de comunicação. Fez cobertura de casos que têm relevância nacional e internacional. Com passagem pela RecordTV Minas, também foi produtor e editor de textos na Record News.

SIGA O BHAZ NO INSTAGRAM!

O BHAZ está com uma conta nova no Instagram.

Vem seguir a gente e saber tudo o que rola em BH!